Consumidores entregaram 16,6 milhões de embalagens de bebidas de plástico para reciclagem

Mais de 16,6 milhões de embalagens de bebidas de plástico foram entregues nas 23 máquinas de recolha automática do projeto-piloto “Quando do Velho se Faz Novo, Todos Ganham. Ganha o Planeta”, instaladas em diversas superfícies comerciais em Portugal Continental. Com este resultado foi possível reciclar 472 toneladas de plástico PET para dar origem a material reciclado de elevada qualidade destinado à produção de novas garrafas de bebidas, com o objetivo de promover a sustentabilidade ambiental através de uma economia mais circular.
 
O sucesso alcançado nos 18 meses deste projeto-piloto levou a que o Ministério do Ambiente e Ação Climática, em sintonia com o consórcio, tomasse a decisão de prolongar o projeto até dia 30 de junho do próximo ano, alargando assim o financiamento do Fundo Ambiental. O anúncio foi feito hoje pela Secretária de Estado do Ambiente, Inês dos Santos Costa, num webinar de balanço do projeto, organizado pelo consórcio composto pela Associação Águas Minerais e de Nascente de Portugal, Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED) e Associação Portuguesa das Bebidas Refrescantes Não Alcoólicas (PROBEB), no dia 28 de setembro.
 
Entre os dias 13 de março de 2020 e 15 de setembro deste ano, os consumidores entregaram 472 toneladas de garrafas para reciclagem. Em média, foram devolvidas 1309 garrafas por dia em cada máquina, das quais 68% tinham capacidade acima dos 0,5L. Os prémios dados em talão para serem utilizados em compras atingiram os 604.839€, enquanto que o valor de donativos às 23 instituições sociais foi de 66.087€, sendo que o projeto entrou a partir de maio numa fase exclusivamente dedicada à vertente ambiental.
 
Segundo o estudo comportamental efetuado pela NOVA FCT junto dos consumidores que aderiram à iniciativa, há uma intenção de mais de 70% dos inquiridos passar a depositar as suas embalagens nas máquinas automáticas, resultados que fazem antever uma forte adesão dos cidadãos ao futuro sistema de depósito de embalagens de bebidas.
 
O projeto-piloto “Quando do Velho se Faz Novo, todos ganham. Ganha o Planeta!” está a servir de referência para a implementação do futuro sistema de depósito de embalagens de bebidas. É financiado a 100% pelo Fundo Ambiental do Ministério do Ambiente e da Ação Climática, num montante de 1,655 milhões de euros (de 20 de março 2020 a 15 de setembro 2021), ao qual é adicionado o valor de 475 mil euros para a fase que irá decorrer até dia 30 de junho de 2022.
 
A localização das 23 máquinas de recolha de garrafas de bebidas em plástico PET não reutilizáveis pode ser consultada aqui.

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estás a consentir a sua utilização. Sabe mais sobre o uso de cookies.